O XXIV Grande Prémio de Macau realizou-se nos dias 19 e 20 de Novembro em 1977.
Uns dias antes do acontecimento realizou-se a conferência, no Hotel Bela Vista, onde se reuniram os órgãos de comunicação social de Macau e Hong Kong para tomarem conhecimento da tarefa dos organizadores e dos pormenores do certame. Além da deslocação de equipas de reportagem de vária ordem a fazer a cobertura, nesse ano uma das estações de televisão de Hong Kong fez a transmissão directa das principais provas do circuito.

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-iConferência de Imprensa da Comissão Organizadora presidida pelo Presidente do Leal Senado, Rogério Artur dos Santos (1)

Nos dias 17 a 20 de Novembro, verificou-se o desembarque em Macau de 29 393 passageiros provenientes de Hong Kong, contra 29 514 no ano de 1976, o que dá um saldo negativo de 121 passageiros. O grosso dos treinos e provas confinou-se aos três dias do fim da semana que nesse ano ocupou os dias 18, 19 e 20 de Novembro.

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-iiNos intervalos das provas, exibição de acrobacias numa motocicleta

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-iiiProva do Grande Prémio de Motociclismo: o 1.º classificado (n.º 4) e o segundo (n.º 13), num momento da corrida.

1 – Mick Grant (GBR) – Kawasaki 750
2 – Stan Woods (GBR) – Suzuki RG 500
3 – Akira Terui ( Japão) – Yamaha

Peter Chow de Hong Kong que já vencera a mesma prova em 1973 e viria a ganhar no ano seguinte, em 1978, ao volante de um Toyota Celica foi o primeiro nos carros de Turismo (Corrida da Guia)
1 – Peter Chow (Hong Kong)  – Toyota Celica, n.º. 33 – 1h29m00,82s
2 – Ahmed Khan ( Hong Kong)  – Toyota Celica, n.º. 30 – 1h50m04,58s
3 – Junichi Isobe ( Japão) – Toyota Celica, n.º. 32 – 2h02m00,57s

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-ivPartida para o XXIV Grande Prémio de Macau em automobilismo (fórmula “Pacific”)

O vencedor do 24.º Grande Prémio de Macau foi Ricardo Patrese (2) ao volante dum Chevron C. (N.º 1) com o tempo de 1h 40m e 14,48 s. (40 voltas ao circuito).

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-vmacau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-viO pódio em frente às bancadas (na recta da Avenida da Amizade) no final da prova com os primeiros classificados.

1.º  – Riccardo Patrese (Itália) – Chevron com o tempo de 1h 40m e 14,48 s.
2.º  – Steve Millen (Nova Zelândia) – Chevron C com o tempo de 1h 41m e 48,23 s.
3.º – Andrew Medicke (Austrália) – March C, com o tempo de 1 h 42m e 17,77s.

macau-b-i-t-xii-9-10nov-dez1977-xxiv-gpm-viiNa sessão de entrega dos troféus do XXIV Grande Prémio de Macau pelo Governador, José Garcia Leandro

Pode ver imagens desse ano, 1977, em cantonense, no Youtube
https://www.youtube.com/watch?v=-BZQYSMtEmw
https://www.youtube.com/watch?v=cnLT6b-cqG4
(1) Nesta fotografia, vê-se por trás da mesa, um trabalho artístico de Leonel Barros – quadro de mosaicos com o desenho da Torre de Belém (Lisboa).
(2) Riccardo Patrese, piloto italiano , em 1977, campeão europeu de F3 e vencedor da F2 no Japão, iniciou nesse ano a sua participação na Fórmula Um (até 1993) , e  foi vencedor do Grande Prémio de Macau nos anos 1977 e 1978 com o mesmo carro, Chevron B40-Ford. Voltaria ainda em 1979 com um March Ford mas ficou em 2.º atrás do inglês Geoff Lees
Para os amantes das velocidades, o carro de 1977, n.º 1,  foi restaurado e pode-se vê-lo em
http://riccardopatrese.net/weblog/?p=4208
Fotos e Reportagem in «MACAU B.I.T.», 1977.