Archives for posts with tag: Pedro José Lobo

Do espólio deixado pelo fotógrafo Harrison Forman (1904-1978) (1), que se encontra disponível no “AGSl Digital Photo Archive (2), encontram-se 175 excelentes fotografias de Macau. Destas, 16 fotografias referem-se aos trabalhos executados para a demolição do monumento que já estava erguido e instalado na colina de D. Maria II, para as Comemorações do IV Centenário de Macau 1555 -1955 que deveria ter dado início no dia 1 de Novembro de 1955 – ver anteriores referências em (3)
As fotografias documentam todo o processo de demolição, como o empilhamento dos sacos de arreia na frente à base do monumento (para obrigar a queda do monumento para trâs), colocação e montagem das cargas explosivas com toda a segurança e o monumento demolido (queda para trás em direcção ao mar)
Aconselho a total visualização das fotografias (as fotos não estão na sequência correcta da demolição) que estão catalogadas no sítio electrónico como:

Part of Set
Harrison Forman Collection – China
Photographer’s Note: Macau: The monument of Macau
Photographer: Forman, Harrison, 1904-1978

São no total 16 excelentes fotografias a preto e branco que documentam com pormenor e enquadramentos interessantes o acontecimento.
Apresento como exemplo três destas fotografias:

Title : Macau, truck in front of monument before demolition
https://collections.lib.uwm.edu/digital/collection/agsphoto/id/26625/rec/18
Title: Macau, man setting explosives at base of monument
https://collections.lib.uwm.edu/digital/collection/agsphoto/id/26639/rec/22
Title: Macau, ruins of demolished monument on waterfront
https://collections.lib.uwm.edu/digital/collection/agsphoto/id/27737/rec/9

(1) Harrison Forman (1904-1978) fotógrafo americano e jornalista (“The New York Times” e “ National Geographic”) Durante a II Guerra Mundial, estava na China, tendo o feito grandes reportagens da guerra  uma entrevista com  Mao Zedong.
A sua colecção de diários e o espólio fotográfico estão no “American Geographical Society Library”.
https://en.wikipedia.org/wiki/Harrison_Forman

Title: Macau, portrait of Harrison Forman and Dr. Pedro Jose Lobo, Macau’s leading citizen
Description: On right, Macau’s chief economic minister and leader in local gold trading (p. 270).
https://collections.lib.uwm.edu/digital/collection/agsphoto/idMacau’s leading citizen/28160/rec/85

(2) “AGSl Digital Photo Archive – Asia and Middle East” na “American Geographical Society Library (University of Wisconsin-Milwaukee).
“The Harrison Forman Photo Collection contains over 3,800 prints and over 300 negatives. This is a fraction of the total Forman collection, sized at 98,000 images, most of which are in 35mm slide format.”
https://uwm.edu/libraries/agsl/harrison-forman-collection/
https://uwm.edu/libraries/wp-content/uploads/sites/59/2014/07/China.pdf
(3) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2018/11/01/ainda-a-proposito-do-iv-centenario-de-macau-novembro-de-1955/
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2016/11/01/noticia-de-1-de-n ,ovembro-de-1955-programa-das-comemora-coes-do-iv-centenario-de-macau-1555-1955/
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2012/11/02/selos-postais-comemorativos-da-fundacao-de-macau-1955/

Artigo extraído de «BGC» 1951.
A emissora ou mais conhecida como a Rádio «Vila Verde» foi fundada em 1951, propriedade de Pedro José Lobo e estava instalada em edifício próprio nos jardins  da residência do proprietário, na Rua Francisco Xavier Pereira (sensivelmente onde hoje está a TDM – Televisão de Macau)
Anteriores referências à Rádio “Vila Verde” em:
https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/radio-vila-verde/

Extraído de «BGC» XXVI – 296, 1950

Comemorações da padroeira de Portugal no dia 8 de Dezembro de 1949 relatado pelo Boletim Geral das Colónias (1)
(1) «BGC» XXVI-296, Fevereiro de 1950.

Uma notícia intitulada «UMA RÉCITA DE AMADORES» (acompanhado por duas fotos) na imprensa escrita portuguesa, “Boletim Geral das Colónias” (1) sobre a opereta «Cruel Separação» (argumento e música de Pedro José Lobo; representada por amadores pela primeira vez, no jardim da sua residência «Vila Verde» em 1949) que foi de novo posto em cena, desta vez no Teatro D. Pedro V. nos dias 15 e 17 de Outubro de 1953. Para mais informações ver anterior referência neste blogue (2)

(1) «BGC» XXIX – 341/342 Nov/Dez, 1953.
(2) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2015/10/15/noticia-de-15-de-outubro-de-1953-opereta-cruel-separacao/

O Almirante Joaquim Marques Esparteiro (1895-1976) foi nomeado Governador de Macau a 12 de Setembro de 1951 tendo tomado de posse no Ministério do Ultramar no 8 de Outubro do mesmo ano. Toma posse efectiva do cargo em Macau em 23 de Novembro de 1951. (1)

O Governador, Almirante Joaquim Marques Esparteiro passando revista à guarda de honra
O Governador e o Encarregado do Governo assistem ao desfile da guarda de honra

Em 16-06-1956 foi nomeado encarregado de Governo na ausência do Governador Marques Esparteiro, o brigadeiro João Carlos Guedes Quinhones de Portugal Silveira (B. O. N.º 24 de 16 de Junho). Tomou posse no dia 22 de Junho de 1956.
O novo Governador Pedro Correia de Barros chegou no dia 7 de Março de 1957 no aeroporto «Kai Tak», em Hong Kong e seguiu para Macau no dia seguinte a bordo do «Gonçalves Zarco» e tomou posse a 8 de Março de 1957. (2)

O Governador e Esposa despediram-se, uma a uma, de todas as pessoas que enchiam a ponte-cais.
O Governador dá o abraço de despedida ao Dr. Pedro José Lobo.
O Governador e esposa recebem da amarada os cumprimentos de despedida.
(1) Informações e fotos retirados de  «MACAU B. I. III-70, 1956.
(2) BGU XXXIII-381, Março de 1957.

NOTA: A Direcção do «Rádio Clube de Macau, nesse ano de 1950, era presidido pelo Primeiro-tenente António Eduardo Lopes Marques.
Outros membros da Direcção:
Vice-presidente – Dr. Cassiano Carlos de Castro Fonseca
Secretário – António Ferreira Batalha
Tesoureiro – Mário de Barros Pereira
Vogais – Francisco Xavier Freire Garcia e Ho Yin
Membros da Assembleia Geral:
Presidente – Padre António Maria de Morais Sarmento
Vice-presidente – Dr. Alberto Pacheco Jorge
Vogais – Loc Tin Meng e José Maria Braga.
Membros do Conselho Fiscal:
Presidente – Francisco Xavier Monteiro
Vogais – Tenente Hernâni Anjos e José Maria de Sena Fernandes.
Extraído de BGC, XXVI – 297, Março de 1950.