Archives for posts with tag: Óperas

No dia 24 de Julho de 1923, Fernando de Lara Reis, (1) delegado do Campo Desportivo Escolar da Caixa Escolar de Macau, fez um pedido ao Governo da Província para se construir naquele recinto um campo de futebol. (2) (3)

Algumas notas acerca deste campo desportivo (3) e da Caixa Escolar, (4) nas décadas de 20 e 21 (século XX)

“1915 – Por ocasião de uma grande cheia em Cantão, pessoas de Cantão e de Macau organizaram no campo de jogos do Tap-Seac uma venda de caridade, a favor das vítimas. Também ali tiveram lugar representações de ópera chinesa. No passado (1842) até para corridas de cavalos aquele espaço serviu. Em 1925, quando se fundou a Caixa Escolar, passou a chamar-se Campo de Jogos da Caixa Escolar, mas conserva ainda a designação de Tap-Seac. Na década de 60 o Clube Chinês de Basquetebol construiu também ali um campo iluminado para estender a utilização a parte da noite.” (4)

“15-04-1919 – Estatutos da Caixa Escolar de Macau” (BBS – Cronologia da História de Macau, Volume III, 2015 p. 117).

“6-05-1919 – Criada a Caixa Escolar de Macau (B.O., desta data, Portaria 89-A) para apoiar alunos carenciados das escolas municipais, dando-lhes gratuitamente livros e acesso a uma cantina escolar (ideia de Alípio Ubaldy de Oliveira).”  (2)

“16-12-1920 – Requerimento de Fernando de Lara Reis, Presidente da Comissão Organizadora da Feira Escolar, pedindo que lhe seja cedido o campo de Tap Seac e que seja autorizada a construção de barracas e a afixação de cartazes com isenção de quaisquer taxas ou emolumentos.” (2)

“12-04-1923 – Louvor manifestado pelo Governo da Província a «Green Island Cement Co Ltd. » de Macau , e ao seu Superintendente, Sr. A. Ireson, pela dádiva de 31 000 quilos de cimento destinados à construção de um campo desportivo escolar, no Tap.Seac. “ (2)

 “25-03-1925 – Cedência pelo Governo do terreno denominado «Campo de Tap Seac» à Caixa Escolar de Macau “ (2)

(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/fernando-lara-reis/ (2) SILVA, Beatriz Basto da – Cronologia da História de Macau, Volume III, 2015, pp. 80, 118, 134, 153, 155, e 171. (3) https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/campo-desportivo-coronel-mesquita-tap-seac/ (4) https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/caixa-escolar/

Continuação da postagem anterior (1) referente aos espectáculos que a Companhia Italiana de Ópera do Sr. Pompei estreou em Macau, no Teatro D. Pedro V.

Extraído de «BPMT», XIII – 14 de 8 de Abril de 1867, pp.76-77

Em complemento à postagem de 01 de Abril de 2017 (1), sobre as várias representações teatrais que a Companhia de Ópera italiana do Sr. Pompei estreou em Macau, no Teatro D. Pedro V, apresento a “crítica” aos espectáculos realizados no dia 6 e 7 de Abril de 1867. (2) A companhia que iniciou a “tournée” ao sudeste asiático, a 28 de Março de 1867 em Hong Kong, deu o 1.º espectáculo em Macau no dia 6 de Abril (e não a 1 de Abril, como foi publicado na anterior postagem) e voltou nos fins de semana para ao todo ter apresentado “12 serões teatrais”.

Extraído de «BPMT», XIII-13, 1 de Abril de 1867, p. 71
Extraído de BPMT XIII – 14 de 8 de Abril de 1867, pp.76-77

Continua na próxima postagem.

(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/04/01/noticia-de-1-de-abril-de-1867-espectaculo-de-opera-italiana-no-teatro-d-pedro-v/

(2) Extraídos de «BPMT», XIII-13, 1 de Abril de 1867, p. 71 e «BPMT» XIII–14 de 8 de Abril de 1867, pp.76-77

Extraído de «BPMT», XIV – 5 de 3 de Fevereiro de 1868, p. 30
Extraído de «BPMT», XIV-6 de 19 de Fevereiro de 1868, p. 35

A prima dona Marietta Veralli estava integrada na “Nova Companhia de Ópera Italiana” (sucessora da Companhia de Ópera Italiana do Sr. Pompei” que actuou no ano de 1867 no Teatro D. Pedro) (1)

(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/04/01/noticia-de-1-de-abril-de-1867-espectaculo-de-opera-italiana-no-teatro-d-pedro-v/

No dia 21 de Maio de 1865, deu a sua primeira representação em Macau, a Companhia de Ópera Francesa denominada “La Compania Lírica Francesa” (1) com a prima-dona Maugard, o tenor e empresário da Companhia, Alfred Maugard, o barítono Tholer e o baixo Merglet. Durante a sua estadia em Macau, a companhia representou «A Filha do Regimento», «Lucia de Lammermoor», «Favorita» e «Don Pascoal» de Donizetti; «Trovador» de Verdi; e «Galatea»,  «Chalet», «Mestre de Capela»  e «Dois Cegos».
Com a vinda do tenor Viard, de Marselha, esta Companhia representou, «O Barbeiro de Sevilha» de Rossini a 2 de Julho de 1865. (2)
Esta mesma companhia regressou a Macau a 2 de Junho de 1866 representando a «Norma» de Bellini, «O Barbeiro de Sevilha» e o «Trovador». (3)
(1) A partir de 1860, três companhias de representação teatral/ópera europeias fizeram digressão ao Oriente. Uma delas foi a “La Compania Lírica Francesa”, que a partir de 1865, permaneceu vários anos no Oriente,  fazendo digressões e fixando residência por períodos variados em cidades. Esteve dois anos na Batávia (hoje, Jacarta). Nesse ano de 1865 fez digressões a Manila, Singapura,  Hong Kong e Macau.
(2) GOMES, Luís G. – Efemérides da História de Macau, 1954
(3) Ver referência anterior em:
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2018/06/02/noticia-de-2-de-junho-de-1866-teatro-d-pedro-v/

Extraído do «B. G. M. »XII-23 de 4 de Junho de 1866,
A mesma companhia lírica francesa sob a direcção do Sr. Maugard deu mais duas representações no mesmo teatro
Extraído do «B. G. M.» XII-25 de 18 de Junho de 1866.

No dia 1 de Abril de 1867, iniciou no Teatro D. Pedro V, a primeira representação da Companhia de Ópera Italiana do Sr. Pompei com “O Barbeiro de Sevilha”, de Rossini. Faziam parte do elenco desta companhia as primas-donas Benchi e Marietta Verali, o tenor Pizzioli, o barítono Reina, o baixo Columbo, etc. Demoraram-se em Macau até meados de Julho e durante a estadia desta companhia em Macau, apresentaram a “Lúcia de Lammermoor”, “A Favorita” e o “Dom Pascoal” de Donizetti, “O Trovador”, a “Traviata”, o ”Rigoleto” e o “Ernani” de Verdi; e a “Sonambula “ de Bellini. (1) (2)
Há várias referências nos jornais da época das actuações desta Companhia de Ópera Italiana Pompei e vem referido também no livro sobre ópera de Nicholas Tarling “. (3)
He came to an agreement with an Italian opera company which, led by Cagli and Pompei, came to Australia by way of India. In May 1871 the combined companies gave a series of Italian operas.
A – “Daily Alta California”, Volume 20, Number 6627, 7 May 1868.
Article From China
http://cdnc.ucr.edu/cgi-bin/cdnc?a=d&d=DAC18680507.2.22
B –  “Daily Alta California”, Volume 20, Number 6660, 9 June 1868 – Page 2: Advertisements Column 4
https://cdnc.ucr.edu/cgi-bin/cdnc?a=d&d=DAC18680609.2.24.4
B –  “Daily Alta California”, Volume 20, Number 6642, 22May 1868 – Page 2 : Advertisements Column 3
https://cdnc.ucr.edu/cgi-bin/cdnc?a=d&d=DAC18680522.2.27.3
C – “Launceston Examiner”, Thursday, June 27, 1867.
http://trove.nla.gov.au/newspaper/article/36644476
(1) TEIXEIRA, Pe Manuel – Teatro D. Pedro V ,p. 31) e GOMES, Luís G. – Efemérides da História de Macau, 1954.
(2) 澳門编年史第四卷清后期
4月1日,由彭佩(Pompei)先生率领的意大利歌剧团首次在澳门上 演了罗西尼的《塞维利亚的理发师》。此次来澳门的演员有头牌女角贝钦 (Benchi)和马利埃塔·维拉利(Marietta Verali),男高音皮兹奥里(Pizzioli),男中音雷玛(Reima)和男低音歌伦布(Columbo)等。剧团在澳 门一直逗留到7月中旬,此间上演了多尼泽蒂的《卢西亚·德·拉麦莫 尔》、《宠姬》、《哦,上帝!》(0 Pascoal);威尔弟的《行吟诗人》、《茶花 女》、《西西尼晚祷》和贝里尼的《睡美人》。④
④施白蒂:《澳门编年史:19世纪》,第167页。
http://www.macaudata.com/upload_files/book/1061/1061/p-1784.html
(3) TARLING,  Nicholas – Orientalism and the Operatic World, 2015
https://books.google.pt/books?id=MBysCAAAQBAJ&pg=PA34&lpg=PA34&dq=Pompei+Italian+Opera+Company