Archives for posts with tag: Autocolantes

Organizado pelo Instituto para os Assuntos Municipais, está a decorrer em Macau a 20.º Festival da Flor e a 39.ª edição da Semana Verde de Macau, de 12 a 21 de Junho de 2020. (1) A flor temática deste ano é a “Nelumbo nucífera / “Gong Deng”, mais conhecida por flor-de-lótus ou lótus sagrado (2)

A propósito da Semana Verde, que habitualmente se realiza no mês de Março, (3) publico o autocolante referente à “SEMANA VERDE 88”, de 1988, editado pela Câmara Municipal das Ilhas (4)

Dimensões: 7, 5 cm x 5 cm

SEMANA VERDE 88

一九八八綠化週

CARTAZ DO INSTITUTO PARA OS ASSUNTOS MUNICIPAIS

(2) Flor símbolo/emblema da Região Administrativa Especial de Macau, figurando na sua bandeira.

Nelumbo nucífera- flor-de-lótus, lótus sagrado https://pt.wikipedia.org/wiki/Nelumbo_nucifer

(3) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/03/15/noticias-de-15-a-21-de-marco-de-1982-semana-verde-de-macau/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/03/17/noticias-de-15-a-21-de-marco-de-1995-i-postal-da-semana-verde-de-macau/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2016/03/15/noticias-de-15-21-de-marco-de-1984-e-1985-autocolan-tes-iii-e-iv-semana-verde-de-macau/

(4) 綠化週 – mandarim pīnyīn: lǜ huà zhōu; cantonense jyutping: luk6 faa3 zau1

Autocolante do Instituto Politécnico de Macau do início da década de 90 (século XX) (1) com o logótipo do Instituto (10 cm x 8,3 cm)

LEMA: Ab scientia ad veritatem
普專兼擅 中西融通
Knowledge, expertise and global vision
(Dilatar o conhecimento técnico-científico com base nas culturas da China e do Ocidente)

Três outros autocolantes rectangulares (20 cm x 5 cm) do mesmo Instituto

O Instituto Politécnico de Macau foi fundado em 16 de Setembro de 1991 – Decreto-Lei n.º 49/91/M (B.O. de Macau de 16 de Setembro de 1991). Teve a sua primeira sede nas antigas instalações da Autoridade Monetária de Macau junto da Caixa Escolar, defronte à Escola Primária Pedro Nolasco. Ocupou depois as instalações do Liceu de Macau na Rua de Luís Gonzaga Gomes na zona de aterros do Porto Exterior (ZAPE)

http://www.ipm.edu.mo/pt/general_information.php

Autocolante referente à «SEMANA VERDE DE MACAU» de 1995 (1), de 7,3 cm x 10, 5 cm de dimensões.

SEMANA VERDE
15 – 21 . 3 . 1995

Organização da Câmara Municipal das Ilhas, Gabinete Técnico do Ambiente, Direcção Dos Serviços de Educação e Juventude e Leal Senado de Macau.
(1)

anuncio-de-alegria-ao-seu-coracaoDÊ ALEGRIA AO SEU CORAÇÃO 
VIVA COM SAÚDE 

Autocolante da Direcção dos Serviços de Saúde; década de 90 (século XX) dimensão: 8,4 cm x 6,2 cm.
– mandarim pinyin: xiǎng  shòu rén shēng; cantonense jyutping: hoeng2 sau6  jan4 saang1
健 康 mandarim pinyin: xīn zàng jiàn kāng; cantonense jyutping: sam1 zong6 gin6 hong1

Autocolante rectangular (10, 5 cm x 7,5 cm)  das

FORÇAS DE SEGURANÇA DE MACAU
澳門保安部隊
VOS VÃO SERVIR COM PASSO DILIGENTE

AUTOCOLANTE - FORÇAS DE SEGURANÇA DE MACAUAs Forças de Segurança de Macau foram criadas em 1975 (1) com extinção do comando-chefe das forças armadas, do comando territorial independente, do comando de defesa marítima e de outros órgãos de vigilância até então existentes. Desde essa data as forças militarizadas de Macau foram colocadas sob um comando único abrangendo a Polícia de Segurança Pública, Polícia Marítima e Fiscal , Polícia Municipal e o Corpo de Bombeiros.
Neste autocolante só estão os emblemas do Corpo de Bombeiro (em baixo à esquerda), da Polícia Marítima e Fiscal (em baixo, ao centro) e da Polícia de Segurança Pública (em baixo, à direita). Em cima o logótipo  das Forças de Segurança de Macau (Comando)(2)
(1) Decreto-lei 705/75, de 19 de Dezembro (Diário da República)  – Reorganiza as forças militares e militarizadas e outros órgãos de segurança de Macau.
Art. 7.º – 1. As Forças de Segurança abrangem as seguintes corporações:

    1. a) Polícia de Segurança Pública (PSP);
    2. b) Polícia Marítima e Fiscal (PMF);
    3. c) Polícia Municipal (PM);
    4. d) Corpo de Bombeiros (CB).

(2) Decreto-Lei n.º 6/91/M  – Extinção do Comando das Forças de Segurança de Macau  e criação da Direcção dos Serviços das Forças de Segurança de Macau

Autocolante circular (círculo exterior de 9 cm e o interior de 8,2 cm) da década de 80 (século XX) da

AUTOCOLANTE - POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DE MACAUPOLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA
MACAU

com o brasão de armas de Macau, nessa altura

AUTOCOLANTE DOI invertidoAutocolante circular de 9,5 cm com o círculo de 8,7 cm,  para ser aplicado nos vidros dos carros (ou outra qualquer superfície espelhada) pelo que a imagem está invertida.
Emitido pela Divisão de Operações e Informações  (DIVO PINFO) das Forças de Segurança de Macau em finais da década de 90 (século XX).

AUTOCOLANTE DOIDecreto -Lei n.º 3/95/M de 30 de Janeiro – Artigo 26.º
(Divisão de Operações e Comunicações)
À Divisão de Operações e Comunicações do DO compete:
a) Estudar, planear, coordenar e controlar todos os assuntos relativos à organização e emprego dos efectivos e meios disponíveis;
b) Elaborar directivas, planos e ordens de operações;
c) Elaborar a estatística dos dados relativos à actividade delituosa e criminal, com vista à análise e conduta da actividade policial;
d) Elaborar os regulamentos que forem determinados superiormente;
e) Elaborar e actualizar as Normas de Execução Permanente (NEP) do CPSP;
f) Elaborar e actualizar as cartas de situação da sala de operações;
g) Coordenar a exploração e conservação dos meios de comunicações;
h) Garantir o funcionamento do serviço telefónico público de emergência, accionando os meios necessários de acordo com as determinações superiores.

Autocolante de 8 cm x 6 cm de dimensões, ligeiramente amarrotado, com o lema:

捐血助人
AJUDE OS OUTROS ,
DÊ SANGUE !

AUTOCOLANTE - AJUDE OS OUTROS, DÊ SANGUEEmitido pelo Centro de Transfusões de Sangue, em 1988.
A mesma imagem apresentada no calendário “de bolso” de 1988 (1)
捐血助人mandarim pinyin: qǐng yuán xuè zhù rén; cantonense jyutping: cing2 gyun1 hyut3 zo6 jan4
(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2012/12/05/calendario-de-1988-ajude-os-outros-de-sangue/

AUTOCOLANTE - Raid Aétreo Janeiro de 1987Autocolante com as dimensões:  11, 8 cm x 7, 3 cm,  editado pelo Banco Nacional Ultramarino. em Janeiro de 1987, promovendo o Raid Aéreo  Lisboa-Macau -Lisboa.
O monomotor  “Sagres” partiu de Lisboa a 11 de Janeiro de 1987 e chegou a Macau em 6 de Fevereiro, , no Aterro da Concórdia em Seac Pai Van (Coloane).
O avião com Jorge Cruz Galego, Arnaldo Alves Leal e Álvaro M. Prata Mendes, percorreu cerca de 15.000 Km em 27 dias ( tempo total de vôo: 65H30) , com 23 aterragens. (1)
Leal Senado - Placa Comemorativa Raid Aéreo (I)Foi descerrada à entrada do edifício do Leal Senado, uma lápide evocativa deste feito, junto a uma outra já existente e que evoca a epopeia vivida em 1924 por Sarmento Beires, Brito Pais e Manuel Gouveia.
Leal Senado - Placa Comemorativa Raid Aéreo (II)Esta placa foi enviada de Lisboa pelo Aero Club de Portugal com o objectivo de homenagear precisamente aqueles pioneiros da aviação portuguesa. A placa descerrada havia sido entregue ao Governador de Macau pela tripulação do “Sagres” aquando da sua chegada ao Território.

Leal Senado - Placa Comemorativa Raid Aéreo (III) O Governador Joaquim Pinto Machado entendeu que “ o lugar apropriado “ para a sua colocação era o Leal Senado.
(1) Ver anterior referência a este acontecimento em
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2013/02/15/noticia-de-15-de-fevereiro-de-1987-partida-do-monomotor-sagres/

AUTOCOLANTE CSM invertido

Autocolante de 12,7 cm x 11,2 cm, para ser aplicado nos vidros dos carros pelo que a imagem está invertida. 
Foi emitido pela Companhia de Seguros de Macau  por volta dos anos finais da década de 60 (século XX).

AUTOCOLANTE CSMA circunferência exterior tem de diâmetro 9,7 cm e a interior, 7 cm.

A Companhia de Seguros de Macau, S.A.R.L. (澳門保險有限公司; Macau Insurance Company Limited ) iniciou actividades no campo das seguradoras em 1983 (1)
(1) Portaria n.º 110/83/M, de 9 de Julho – autoriza constituição da Sociedade que usará a denominação “Companhia de Seguros de Macau, S.A.R.L.”, em chinês, “Ou Mun Pou Him Iao Han Cong Si”, e, em inglês, “Macau Insurance Company Limited“, para o exercício da actividade seguradora em Macau, explorando os ramos a seguir discriminados, nas condições gerais e especiais que vierem a ser aprovadas pelo Instituto Emissor de Macau, E. P.”