Archives for posts with tag: 2020

Assi azinha, ung´a ano já passá

Más unga vêla, já sandê

Virá mám, virá ôlo, gurunhá

Neno sai có, mán mán más crescê

Destung’ a ano, nunca más lembrá

Iou qui pensám, muto medo morê

Vento suzo, vento-china, malínguá

Parece têm vida;  pussá bafado, tossê

Non sã savan, sã non bicho, respirá

Siguí órde, tudo cofiná, na casa já retê

Tánto-tánto gente logomente mâm-mâm lavá

Usá bôbo, já tirá, lavá rópa di rua… Qui ramêde

Nhónha azinha já comprá papel pra rabiósque limpá

Unga, vai Sé, pedi Siára di Fátima, vêla sandê

Outrunga corrê Miu dessá pivete no San Chi Pá

Muto tanto fica murum, cabeça sofrê

Mestre-china, logo vai mizinha receitá

Savanado, iou sã casa fichado nada fazê

Destunga laia, ismirado, non pódi pandegá

Calado-calado, perdê juízo, cai pê –mám

Tem tánto sapeca non pódi gastá.

Paxá non podi, tánto-tánto consumiçam

Cofinado, pedí vacina logomente apanhá

Gáridona azinha vai rua companhá cám.

Pandemia cavá, 

ninguim pôde isquecê.

Cabeça lembrá,

Afastá…afastá…

Ano assi azinha zaprecê

Natal diferente, mais isolados, mas com a mesma alegria
Na chaminé, Pai Natal atrasado por causa do teste
Presépio reduzido, nada de aglomerações

Na consoada, não podia faltar na mesa, a tradição maquista, com as lembranças “muto tanto sabroso” das mãos da sempre amiga Diana (mais uma vez, muito obrigado)

Empada
Fartes
Alua

Ver anteriores referências em:
https://nenotavaiconta.wordpress.com/category/gastronomia-macaense/
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2016/12/24/poema-natal-azinha-chega-na-anote-di-consoada/

Iniciam-se, hoje, as corridas constantes do 67.º Grande Prémio de Macau que neste ano, devido á situação sanitária de Macau, (1) ficaram muito reduzidas (com um programa de somente 5 corridas somente em três dias, 20 a 22) (2) e sem a presença de muitos dos mais conceituados condutores e marcas das diferentes modalidades.

Uma das corridas canceladas é a prova de motos por isso recordando antigas corridas, desta modalidade, apresento cinco fotografias (infelizmente não datadas e com poucas condições de conservação) de uma das corridas de moto (de finais da década de 60 ou princípios dos anos 70). De interessante serem fotos pessoais de um dos percursos do circuito pouco fotografados durante as provas – a Estrada de Cacilhas – á frente dos actuais prédios n.º 7 e n.º 9. (esta última, no lugar onde era a casa dos meus pais).

Ao fundo, o Miradouro de Nossa Senhora de Mar, à direita as três “vivendas” da STDM (nomeadamente para a permanência do Stanley Ho quando vinha a Macau, nos primeiros tempos da STDM, constituída em 1962), (3) (à esquerda a “guarita” de madeira construía pela STDM, para a vigilância (a PSP fazia guarda nas 24 horas, quase sempre por polícias trabalhando em horas extraordinários)

À esquerda, uma saliência à estrada (ainda hoje existente) obra da STDM que alisou e cimentou parte do monte que exista atrás do muro para fazer parque de estacionamento para frota dos carros dos seus gerentes e convidados para as festas. Nos dias de grande prémio, com o circuito “fechado”, servia para colocação dos carros rebocados “avariados” ou  “acidentados” – na foto uma mota e um carro.

No inferior direito, o muro da casa n.º 9

(1) De forma a assegurar que o evento decorra com as condições de segurança, a comissão organizadora implementou um número de medidas de prevenção epidémica. Como por exemplo a obrigatoriedade de quarentena de 14 dias à entrada em Macau, e redução dos lugares para o público de 14.000 para 10.000.

 (2) O 67º Grande Prémio de Macau será realizado de 20 a 22 de Novembro. O programa inclui cinco corridas: Grande Prémio de Macau de Fórmula 4, (a substituir a de Fórmula 3), Taça GT Macau, Corrida da Guia Macau, Taça de Carros de Turismo de Macau e Taça GT – Corrida da Grande Baía. https://www.macau.grandprix.gov.mo/pt/news/event/1553

(3) Após a compra à família da vivenda do alferes Luís (n.º 7 da Estrada de Cacilhas), a STDM, acrescentou num dos terrenos do lado, um prédio com garagem que serviu para, nesses primeiros anos, estacionamento dos automóveis de corrida utilizados por Teddy Ip (1913-2003) – um dos sócios da STDM – grande impulsionador do Grande Prémio de Macau e piloto participante, na década de 50 (século XX). https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/teddy-ip/

Devido ao surto da pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus, o Festival Internacional de Música de Macau (FIMM), originalmente agendado para 4 de Outubro de 2020, teve um formato diferente. (1)

Assim, com o tema “Para um Ano Especial”, o FIMM deste ano apresentou, a partir do dia 22 de Agosto, 9 programas num total de 20 espectáculos por grupos musicais locais, incluindo concertos, e outras actividades (1)

A propósito deste festival, apresento, um postal pertencendo à colecção de dez postais impressos na Tipografia Seng Si Lda (5.000 exemplares), emitidos pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Fevereiro de 2006, publicitando “Eventos de Macau” (3). Sem outras indicações (autores? datas?) (2)

Verso do postal (15 cm x 10 cm)

(1) Outras actividades como “Desfrute da Música no Cinema: Exibição de Musicais”, o “Programa Piano de Rua” e o evento amigo do ambiente “Oficinas para Criação de Instrumentos Musicais”, etc., actividades que visam levar a música a todos os cantos da cidade, satisfazendo as necessidades dos residentes em termos de diversidade cultural, assim como de outros locais assolados pela pandemia. O FIMM deste ano apresentará vários concertos e actividades comunitárias gratuitas (Fonte: Instituto Cultural da RAEM)..https://www.gov.mo/pt/noticias/235656/)

 (2) Ver o último publicado (VII) em: https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/09/17/postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-vii-concurso-internacional-de-fogo-de-artificio-de-macau/

Hoje celebra-se o Festival de Outono, uma velha festa tradicional chinesa comemorado no 15.º dia de oitavo mês do ano que segundo historiadores chineses terá quatro mil anos, possivelmente na Dinastia Tang, mas outros afirmam ser de cerca 2000 anos, no Período da Primavera e Outono. Mais conhecida em Macau, entre os macaenses como a Festa do Bolo Lunar/ Bate Pau 月餅 ou das Lanternas. A origem do bolo lunar terá sido na dinastia Tang, mas mais popularizado na dinastia Ming (1)

Para celebrar este dia, recordo uma poesia do Padre Benjamim Videira Pires :

LUA DO «BATE-PAU»

Macau, 30 de Setembro de 1974 Benjamim Videira Pires (2)

(1) Anteriores referências a esta festa em: https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/bolo-lunar-bolo-de-bate-pau-%E6%9C%88%E9%A5%BC/

(2) PIRES, Benjamim Videira – Espelho do Mar. Instituto Cultural de Macau, 1986, 57 p. Anteriores referências ao Padre Videira Pires em: https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/padre-benjamim-videira-pires/

Hoje, em Macau, deveria iniciar-se o Festival Juvenil Internacional de Dança (1), marcado para 17 a 23 de Julho mas cancelado devido à epidemia provocada pelo novo coronavírus.

A propósito deste festival, apresento, um postal pertencendo à colecção de dez postais impressos na Tipografia Seng Si Lda (5.000 exemplares), emitidos pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Fevereiro de 2006, publicitando “Eventos de Macau”, (2) precisamente este festival internacional de dança. Sem outras indicações (autores? datas?)

(1) O Festival Juvenil Internacional de Dança, é realizado pela Direcção dos Serviços de Educação e Juventude (DSEJ) desde 1987 e deveria realizar-se entre 17 e 23 de Julho de 2020, mas foi adiado para Julho de 2021. https://portal.dsej.gov.mo/webdsejspace/site/dance/index-p.jsp

(2) Anteriores referências aos postais dos eventos: https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/01/29/postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-i/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/02/29/noticia-de-29-de-fevereiro-de-2020-procissao-do-nosso-senhor-dos-passos-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-ii/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/04/30/noticia-de-30-de-abril-de-2020-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-iii-festival-do-dragao-embriagado/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/05/02/noticia-de-2-de-maio-de-2020-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-iv-festival-de-artes-de-macau/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/06/25/noticia-de-25-de-junho-de-2020-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-v-barcos-dragao/

Hoje dia 25 de Junho de 2020, realizar-se-á a última das regatas de Barcos-Dragão, (regatas para grandes embarcações) no Centro Náutico da Praia Grande. A festividade deste ano, que já teve duas sessões, nos dias 20 (Festival em Família) e 21 de Junho (Regatas de barcos-dragão para pequenas embarcações), contou somente com equipas caseiras, sem a participação de equipas estrangeiras devido à pandemia da covid19.

Para comemorar este evento, apresento, um postal intitulado “CORRIDA DOS BARCOS-DRAGÃO”, pertencente à colecção de dez postais impressos na Tipografia Seng Si Lda (5.000 exemplares), emitidos pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Fevereiro de 2006, publicitando “Eventos de Macau” (1). Sem outras indicações (autores? datas?)

(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/01/29/postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-i/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/02/29/noticia-de-29-de-fevereiro-de-2020-procissao-do-nosso-senhor-dos-passos-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-ii/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/05/02/noticia-de-2-de-maio-de-2020-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-iv-festival-de-artes-de-macau/

Organizado pelo Instituto para os Assuntos Municipais, está a decorrer em Macau a 20.º Festival da Flor e a 39.ª edição da Semana Verde de Macau, de 12 a 21 de Junho de 2020. (1) A flor temática deste ano é a “Nelumbo nucífera / “Gong Deng”, mais conhecida por flor-de-lótus ou lótus sagrado (2)

A propósito da Semana Verde, que habitualmente se realiza no mês de Março, (3) publico o autocolante referente à “SEMANA VERDE 88”, de 1988, editado pela Câmara Municipal das Ilhas (4)

Dimensões: 7, 5 cm x 5 cm

SEMANA VERDE 88

一九八八綠化週

CARTAZ DO INSTITUTO PARA OS ASSUNTOS MUNICIPAIS

(2) Flor símbolo/emblema da Região Administrativa Especial de Macau, figurando na sua bandeira.

Nelumbo nucífera- flor-de-lótus, lótus sagrado https://pt.wikipedia.org/wiki/Nelumbo_nucifer

(3) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/03/15/noticias-de-15-a-21-de-marco-de-1982-semana-verde-de-macau/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2017/03/17/noticias-de-15-a-21-de-marco-de-1995-i-postal-da-semana-verde-de-macau/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2016/03/15/noticias-de-15-21-de-marco-de-1984-e-1985-autocolan-tes-iii-e-iv-semana-verde-de-macau/

(4) 綠化週 – mandarim pīnyīn: lǜ huà zhōu; cantonense jyutping: luk6 faa3 zau1

Hoje, em Macau, deveria iniciar-se a 31ª edição do Festival de Artes de Macau (1), cancelada por cauda da pandemia do Covid19. (2) A propósito deste festival, apresento, um postal pertencendo à colecção de dez postais impressos na Tipografia Seng Si Lda (5.000 exemplares), emitidos pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Fevereiro de 2006, publicitando “Eventos de Macau” (3). Sem outras indicações (autores? datas?)

(1) O Festival de Artes de Macau – 澳門藝術節 – “Macao Arts Festival (FAM)”é um evento artístico organizado pelo Instituto Cultural, sendo realizado anualmente na Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China para promover o desenvolvimento das artes locais e disponibilizar uma plataforma de artes performativas e para intercâmbio de grupos artísticos. Anualmente, o IC convida todos os indivíduos e associações locais registadas a apresentarem as suas propostas de espectáculos e os trabalhos seleccionados eram integrados no programa do Festival de Artes de Macau. https://pt.wikipedia.org/wiki/Festival_de_Artes_de_Macau. https://www.gov.mo/pt/noticias/205730/

 (2) «HOJE MACAU», 5 de Março de 1020: “IC decide cancelar 31ª edição do Festival de Artes de Macau”:  “ O Instituto Cultural (IC) anunciou ontem o cancelamento da 31ª edição do Festival de Artes de Macau (FAM) devido ao “impacto da propagação do novo tipo de coronavírus em todo o mundo”. De acordo com um comunicado, foi feita uma “avaliação cuidadosa dos riscos da epidemia” para se chegar a uma decisão, uma vez que grande parte do cartaz é composta por músicos oriundos de países estrangeiros.” https://hojemacau.com.mo/2020/03/05/ic-decide-cancelar-31a-edicao-do-festival-de-artes-de-macau

(3) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/01/29/postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-i/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/02/29/noticia-de-29-de-fevereiro-de-2020-procissao-do-nosso-senhor-dos-passos-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-ii/

Hoje, em Macau, deveriam realizar-se as cerimónias festivas do dragão embriagado (1), canceladas por cauda da pandemia do Covid19. A propósito deste festival, apresento, um postal pertencendo à colecção de dez postais impressos na Tipografia Seng Si Lda (5.000 exemplares), emitidos pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Fevereiro de 2006, publicitando “Eventos de Macau” (2). Sem outras indicações (autores? datas?)

(1) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2012/05/14/macau-e-o-dragao-v-o-festival-do-dragao-embriagado/

(2) https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/01/29/postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-i/ https://nenotavaiconta.wordpress.com/2020/02/29/noticia-de-29-de-fevereiro-de-2020-procissao-do-nosso-senhor-dos-passos-postais-da-direccao-dos-servicos-de-turismo-eventos-de-macau-2006-ii/