Violento temporal de nordeste (classificado pelos chineses como tufão pequeno), no dia 22 de Julho de 1855, causou vários estragos à cidade e a morte do marinheiro Francisco dos Santos, por alcunha o Caparica, da corveta D. João I, que caiu ao mar, na ocasião emque,com mais alguns, tentava desembaraçar a corveta de uma embarcação chinesa que estava encostada à proa.

Extraído de «BGPMTS», I-41 de 28 de Julho de 1855, p. 162