Notícia de 14 de Fevereiro de 1844 publicada no jornal “Friend of China
Capt Kelly of the Isabella Robertson was landing at Macau, ¼ mile from the Bar Fort, with three treasure boxes containing $7,440, when passing pirates threw fireworks into his boat. The pirates boarded in the confusion and Kelly and his Lascars jumped overboard. The pirates then took to the oars and escaped in the Isabella Robertson’s own boat with the money. Kelly had anchored Isabella Robertson in Taipa roads. The voyage to Macau from the roads by small boat is too long to go unarmed.”
Fico na dúvida se o nome do navio era «Isabella Robertson» (1) ou Isabella Robertson (2) seria uma passageira de 23 ou 24 anos, missionária protestante a caminho de Cantão. Um dos periódicos da mesma altura refere “boat of the Isabella Robertson

“The New World”, Volume 8.June 1, 1844

Outro periódico “The Singapore Free Press and Mercantile Advertiser,(1835-1869) 29 February 1844”, relatava o seguinte
Macao. a oaring act of piracy, was perpetrated in Macao harbour, on the morning ot the stb Instant Captain Kelly, of the Isabella Robertson, was landing hi boat, with three boxes ot treasure, containing $ 7,440. When within quarter of a eUkws he was attacked by pirates. …”
(1) Existiu um navio registado como “Isabella Robertson” construído em 1818, em Coringa (Índia?) e vendido na América do Sul em 1820
A Collection of Papers Relative to Ship Building in India”. Compilação de John Phipps “of the Master Attendant’s Office”, Calcutta., 1840.
https://books.google.pt/books?id=SpleAAAAcAAJ&pg=PA174&lpg=PA174&dq=Isabella+Robertson+
(2) Isabella Robertson (1820 ou 1821 – desconhece-se a data da morte) casada com o missionário protestante, Dyer Ball (1796 – 1866 em Cantão).
Dyer Ball foi missionário da «American Home Missionary Society» desde 1833, ordenou-se em 1831. Destacado para a China passou primeiro por Singapura onde estuda chinês. Em 1841 devido à doença da 1.ª mulher, parte para Macau e em 1845 para Hong Kong, onde a mulher falece. Muda-se para Cantão em 1845 e casa com Isabella Robertson, missionária escocesa, em 26 de Fevereiro de 1846. (3)
O único filho do casal, Rev. Dyer Ball and Isabella Robertson, James Dyer Ball – 波乃耶 (Cantão 1847 – Londres 1919) (4) nasceu em Cantão, era sinólogo, autor de vários livros sobre a cultura, língua e os dialectos chineses (autor dum sistema de romanização do cantonense). Trabalhou como professor e intérprete nos tribunais em Hong Kong durante 35 anos (reformou-se em 1909) e é o autor do livro “Macao: the Holy City,  the Gem of the Orient Earth”, publicado em 1905, de onde tenho retirado, por várias vezes, descrições feito pelo autor da história e dos sítios de Macau. (4)
http://en.wikipedia.org/wiki/James_Dyer_Ball
(3) Ver biografia mais pormenorizada do missionário Dyer Ball, em
http://www.newenglandballproject.com/g3/p3628.htm
(4) Anteriores referências em:
https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/j-dyer-ball/
https://nenotavaiconta.wordpress.com/2013/02/18/leitura-macao-the-holy-city-the-gem-of-the-orient-earth/
BALL, J. Dyer – Macao: The Holy City; The Gem of Orient Earth. Printed by The China Baptist Publication Society, Canton, 1905, 83 p.
O livro está digitalizado pelo “Internet Archive“, em 2007 e poderá consultá-lo em:
http://archive.org/details/macaoholycitygem00ballrich