Pequeno opúsculo de 16 cm x 10 cm, com 62 páginas, editado em 1890, pela Companhia Nacional Editora, do tenente de cavalaria Bento da França (1) intitulado “MACAU”. (2) Da Coleção “Biblioteca do Povo e das Escolas”, n.º 183, da 23-ª série, custava cada volume 50 réis.

Tem 22 capítulos, mas cada capítulo com um texto muito reduzido sobre cada tema.

Páginas 26 e 27: Capítulos XIII (Clero de Macau); XIV (Conventos em Macau; XV (Hospitaes em Macau); XVI Instrucção em Macau

O último, XXII- Resumo da história de Macau (pp. 32-62), mais desenvolvido.
(1) Bento da França Pinto de Oliveira (Porto, 1833 — Aveiro, 1889). 5.º filho de Bento de França Pinto d´Oliveira (1793-1852 – 1.º Conde da Fonte Nova, marechal de campo e tenente general do Exército) e de  Maria José Tovar Pereira da Costa, foi um militar da arma de cavalaria (atingindo  o posto de tenente-general do exército)  com missões em Moçambique, Cabo Verde, Angola e no Estado Português da Índia. Foi Governador de Timor (1882-1883), nessa altura dependendo de Macau. Acabou por pedir a demissão de governador de Timor um ano depois, amargurado pela perda brutal de dois filhos vitimados pela malária, cansado pela hostilidade da administração portuguesa de Macau de que dependia e minado pelas muitas intrigas locais.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Bento_da_Fran%C3%A7a_Pinto_de_Oliveira
É autor doutro livro sobre Macau: Macau e os seus habitantes. Relações com Timor. Imprensa Nacional, 1897, 286 p. Pode ser consultada em
https://archive.org/stream/macaueosseushab00frangoog#page/n7/mode/2up
Anteriores referências de Bento da França em:
https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/bento-da-franca/
NOTA: Não confundir com outro Bento da França, (sobrinho do anteriormente citado) autor de “Subsídios para a Historia de Macau” publicado pela Imprensa Nacional em 1888, 231 páginas (2)
Este é Bento da França Pinto d’Oliveira Salema (1859-1906), filho de Salvador d´Oliveira Pinto da França (1822-1866 – tenente coronel do estado Maior do Exército e irmão (2.º) de Bento da França Pinto de Oliveira), terceiro conde de Fonte Nova; major da cavalaria, “tenente de cavallaria e ajudante de campo honorário de Sua Alteza o senhor Infante D. Augusto” na altura da publicação do livro em 1888.

DEDICATÓRIA DO AUTOR
EXPLICAÇÃO AOS LEITORES (página 7)

Salvador d´Oliveira Pinto da França (1822-1866)
irmão de Bento da França Pinto de Oliveira (1833-1889) e pai de Bento da França Pinto de Oliveira Salema (1859-1906)
https://pt.wikipedia.org/wiki/Salvador_d%27Oliveira_Pinto_da_Fran%C3%A7a
(2) Pode-se ser consultada em
https://archive.org/stream/subsidiosparaah01frangoog#page/n12/mode/2up