Dois calendários de bolso com a dimensões 10 cm x 6,6 cm, do Banco da China (sucursal de Macau), do ano de 1992.

BANK OF CHINA, MACAU BRANCH
AVENIDA DOUTOR MÁRIO SOARES

CALENDÁRIO DE 1992 BANK OF CHINA IUm dos calendários apresenta a fotografia da sede do banco (inaugurada em 1991), tirada da ponte Nobre de Carvalho (do lado do passeio esquerdo, no sentido Macau-Taipa, ainda com a circulação de veículos)  na posição vertical do calendário.
CALENDÁRIO DE 1992 BANK OF CHINA IIOutro dos calendários apresenta a fotografia do mesmo banco tirada também da ponte Nobre de Carvalho (mas do lado do passeio direito, no sentido Macau-Taipa)  na posição horizontal do calendário.
CALENDÁRIO DE 1992 BANK OF CHINA versoNo verso dos dois calendários a mesma impressão – o calendário de 1992.
O edifício sede da sucursal de Macau do Banco da China, com 38 andares e 160 metros de altura, inaugurado em 1991, já foi um dos mais altos a destacar-se no horizonte da península. Hoje, a paisagem encontra-se dominada pelos mais de 300 metros de altura da Torre de Macau e uma linha quase cerrada de arranha-céus que albergam os hotéis e casinos que começaram a surgir a partir de 2001. O edifício mantém a sua imponência e, ao fim de mais de 20 anos, continua a destacar-se na arquitectura que rodeia a Praça de Ferreira do Amaral.”
ARANDA, Claudia – De pedra e cal. Revista Macau de 15-10-2013:
http://www.revistamacau.com/2013/10/15/de-pedra-e-cal/