Anuário 1938  -Preparação do balechãoPreparando Balechão (condimento chinês)

O balechão é um tempero ou um acompanhamento para certos pratos. É feito de camarões pequenos, sal, e ingredientes picantes. Guarda-se como uma conserva e vai-se utilizando em pequenas porções que se juntam aos refogados para tempero ou se passam na frigideira para acompanhamento. Os chineses também utilizam balechão na sua culinária, mas os macaenses consideram-no «coisa de Macau». No entanto deve ser de proveniência malaia e aprendido pelos chineses através da culinária chinesa.
BATALHA, Graciete Nogueira – Glossário do Dialecto Macaense. Coimbra, 1977. 

Anuário 1938  - Transporte de arrozTransporte de arroz no porto exterior

 A descarga do arroz dos barcos de carga atracados no Porto Interior e o seu transporte tradicional, na altura, puxado pelos cules.
Cule – trabalhador (braçal) chinês: carregador, estivador, puxador de riquexó, condutor de triciclo, etc.
Os próprios chineses usam o termo no mesmo sentido, mas dado o valor pejorativo que vem tomando, tende a cair em desuso, tanto entre os chineses como entre os portugueses.
BATALHA, Graciete Nogueira – Glossário do Dialecto Macaense. Coimbra, 1977.
mandarim pinyin: gu li; cantonense jyutping: gu1 lei1