1969 IV Centenário SCM Envelope

16 de Outubro de 1969: 1.º Dia de circulação do selo comemorativo do  IV Centenário da Fundação da Santa Casa da Misericórdia de Macau 1569-1969 , com carimbo e  envelope comemorativo.

Portaria n.º 24331 (D G 232/69 Serie I de 3-10-1969):
Manda emitir e pôr em circulação na província de Macau selos postais, da taxa de 50 avos, comemorativos do 4.º centenário da fundação da Santa Casa da Misericórdia de Macau.”

1969 IV Centenário SCM SELOSDois selos da minha “colecção” (1), um obliterado com carimbo de 1971 e outro virgem.

D. Belchior Carneiro SCM década de 60A Santa Casa da Misericórdia de Macau (década de 60-Século XX)

Em 1569, D. Melchior Miguel Nunes Carneiro Leitão (1516-1583) que chegara a Macau em Junho de 1568, fundou a Santa Casa da Misericórdia, de que foi o primeiro provedor, e um hospital para cristãos e pagãos.

D. Belchior Carneiro SCM RETRATOQuadro a óleo de D. Melchior Carneiro, existente no salão principal da Santa Casa.

Segundo ele informava, em 1575, em carta para o Geral da Companhia:
– «Quando cheguei ao porto de Macau chamado do Nome de Deus, havia aqui mui poucas habitações de portugueses e algumas casas de cristãos do país…(…)
… Apenas cheguei abri um hospital, onde se admitem tanto cristãos como pagãos. Criei também uma Confraria de Misericórdia, semelhante à Associação de caridade de Roma: ela tem providenciado às necessidades, de todos os pobres envergonhados e dos necessitados»

D. Belchior Carneiro SCM Hospital S. Rafael década de 50O Hospital S. Rafael (década de 50 – século XX)

O hospital denominado Hospital dos Pobres, posteriormente, recebeu o nome de S. Rafael.
TEIXEIRA, Pe. Manuel – D. Melchior Carneiro, 1968, 117 p.

(1) “colecção” está entre aspas porque «colecção de selos» é um hobby de colecionar selos o que não é o meu caso;  ao longo de alguns anos da juventude limitei-me a juntar uns selos de Macau, tirados das cartas da correspondência aérea.