MACAU B. I. ANO I n.º 6 Procisão Mong HáEsta foto é da procissão de velas que se realizou na noite de 12 para 13 de Outubro do ano de 1953, no Aquartelamento das Barracas Metálicas de Mong Há (1). Esta procissão realizava-se anualmente, presidida pelo Bispo da Diocese e era bastante participada. Além da família militar (muitas vezes com a presença do governador e comandante militar) (o andor da “Virgem Maria” era sempre transportada por militares), participavam muitos fiéis católicos portugueses e chineses.Durante o percurso (dava-se a volta à Montanha Russa) rezava-se o santo terço e entoavam-se cânticos à Virgem. (2)

(1) O Aquartelamento das Barracas Metálicas de Mong Há foi criado a 29 de Junho de 1951. No ano de 1953, c O comandante do Aquartelamento, era o Tenente-coronel Acácio Neves e Castro e o Chefe de Estado Maior, o Capitão do Corpo do Estado Maior José Alberty Correia (posse a 18 de Setembro).
NOTA: Em Janeiro de 1953, o efectivo da Guarnição em militares metropolitanos era de:
Oficiais: 110
Sargentos: 211
Praças: 1000
(TEIXEIRA, Pe. Manuel – Os Militares em Macau)

No Aquartelamento de Mong Há havia uma gruta coma imagem da Senhora de Fátima, que foi coroada a 14 de Agosto de 1951, pelo Bispo de Macau, D. João de Deus Ramalho.

(2) Dados recolhidos de MACAU Boletim Informativo, 1953.