Pequeno opúsculo de capa castanha, com 24 páginas, editado pela Direcção dos Serviços de Turismo, em Junho de 1984.

A COZINHA MACAENSE

Por Maria Margarida Gomes

 LIVRO A Cozinha Macaense M.M. Gomes CAPA

Não é bem um livro de receitas da gastronomia macaense mas, conforme afirma a autora (escrita em 1981), Maria Margarida Gomes:
uma descrição de alguns pratos famosos da Cozinha Macaense e da sua História.”
Assim, traz a descrição de 31 iguarias (algumas delas já por mim citadas em anteriores postagens) que
Alegravam e consolavam o paladar, o vista e o coração

LIVRO A Cozinha Macaense M.M. Gomes CONTRACAPA

Da página 5, retiro:
A chamada hoje Transculturação na Cozinha Macaense, principiou desde a chegada dos primeiros portuguese que se estabeleceram na «Cidade do Nome de Deus», coadjuvados pelas suas mulheres, aias, escravos e crioulas. Habitavam esses pioneiros em «armações» ou verdadeiras cidadelas, que constavam de várias casa para cada uma das famílias: para os senhores, para s crianças, para os hóspedes, casas de recepção, casas para a criadagem, caves para cozinhar, dispensas para conservar a comida, com gudões (subterrâneos), hortas, etc.
Viviam em tal abundância que as visitas, sobretudo os recém-chegados, desembarcados de outras terras, entravam e saíam, comiam e bebiam; à vontade, sem sequer ter visto os donos.

GOMES, Maria Margarida – A Cozinha Macaense. Direcção dos Serviços de Turismo, 1984, 24 p., 21 cm x 14,5 cm