Continuação do “post” de ontem:

Parodia à Bastiana

 Pomba puça (20) ago, Cathrina,
Ade virá piám,  (21)
Porco tocá viola, Cathrina,
Mosca lavá buiam. (22)
 
Mosquito dá caçada, Cathrina,
Manduco limpá cambám, (23)
Grilho tocá guitara, Cathrina,
Cabra sandê (24) lampiâm. (25)
 
Macaco tocá piano, Cathrina,
Barata capi-ôlo, (26)
Quim ôze (27) lembra cazá, Cathrina,
Certo são muto tolo.
 
Eva no paraizo, Cathrina,
Já enganá Adám;
Amor d´ôze em dia, Cathrina,
São pior que paço-buiam. (28)
 
Babalúa (29) já sae fôra, Cathrina,
Fonte já nôm tem âgo,
Rapariga olá nhum-nhum, (30) Cathrina,
Boca corê babo. (31)
 
Cangi (32) de fula-papaia, (33) Cathrina,
Ciume lôgo curá. (34)
Nhame, (35) aréca, (36) cô côco, Cathrina,
Réva (37) lôgo tirá.
 
Côpo-côpo (38) montá cavallo, Cathrina,
Morcêgo querê casá,
Nhonhonha (39) falá de amor, Cathrina,
Coração abri fichá. (40)

………………………………………………………….continua

(20) Puça agu – Puxar água (do poço).
(21) Virá piám – dançando ou saltando, dando voltas ou girando sobre os calcanhares, como um pião.
(22) Buiam – boião.
(23) Manduco limpá cambám – a rã descasca camarões.
(24) Sandê – acender, acende.
(25) Lampiám – lampeão, candieiro.
(26) Capi ôlo – piscar os olhos.
(27) Hoze ou ôze – hoje.
(28) Paço buiám – certa qualidade de louça ou utencílios de barro, muito frágil e quebradiço que são vendidos às portas dos fregueses.
(29) Babalúa – lua principalmente lua cheia. Nsete caso, babalúa já sae fôra – a lua já nasceu.
(30) Nhon ou nhum – rapaz, mancebo ou homem novo. Masculino de nhonha. No plural Nhum-nhum.
(31) Boca coré babo – ficar com a boca babosa.
(32) Cangi – canja, caldo.
Os itens 33 a 36 são substâncias usadas para mizinhas dotadas de certas propriedades e virtudes terapêuticas e ……psicológicas.
(33) Fula papaia – flor da papaia, propriedades verminiosas contra as lombrigas e outros bicharocos intestinais.
(34) Ciúme lôgo curá – a flor da papaia, poeticamente até cura ciúmes.
(35) Nhame– inhame, tubérculo muito usado em Macau, cosido com sal ou açucar.
(36) Aréca – fruto seco da arequeira, que os macaistas usam mastigar mas sem o betel.
(37) Reva – raiva.
(38) Côpo-côpo – borboleta branca.
(39) Nhonhona – menina solteira ou senhora casada nova.
(40) Abri fichá – abre e fecha.

TA-SSI-YANG-KUO – Archivos e annaes do Extremo-Oriente português 1899 -1900– Colligidos, coordenados e anotados por J. F. Marques Pereira. Volume I.