Este livro é o 4.º Volume, dos “Estudos sobre As Províncias Ultramarinas”, da autoria de João de Andrade Corvo (1) , “sócio effectivo  da Academia Real das Sciencias de Lisboa” e é dedicado às colónias asiáticas: “A Índia”, pp7-109; “Macau”, pp.113 a 173 e “Timor” pp. 177 -179.

De Macau, são cinco capítulos (não intitulados): I – estabelecimento de Macau, resumo da evolução histórica da cidade, relação com a China; II – censo populacional; III – a emigração por Macau /a emigração dos cules, comércio (estatísticas), despesa pública; IV – evolução do comércio, V – instrução pública.

Estudos sobre Províncias Ultramarinas CAPADeste último capítulo:
A instrução da população de Macau está muito pouco desenvolvida mesmo entre a parte portuguesa; a parte china manifesta um descuido grande que se chama a attenção. Existe uma escola de instrucção primaria unicamente para o seso feminino, e essa é frequentada por 30 a 40 alumnas, de que a maior parte comparece com muita irregularidade; as escolas para o sexo masculino teem maior numero de alumnos, e a frequencia é muito mais regular.
A população, emquanto ao grau de instrucção, apresenta as seguintes circumstancias. O total da população em 1878 era de 68:086: d´esta sabia ler: 23: 2056
 

CHINAS NÃO CHINAS TOTAL
HOMENS 19:510 1:610 21:120
MULHERES 372 1:564 1:936

Não sabem ler: 45:030”
 

CHINAS NÃO CHINAS TOTAL
HOMENS 20:555 727 21:282
MULHERES 23:095 653 23:748

(1)   CORVO, João Andrade – Estudos sobre As Províncias Ultramarinas, Volume IV. Lisboa, por ordem e na tipografia da Academia Real das Sciencias, 1887, 189 p. 22.5 cm x 14 cm