Por ocasião da Feira Popular organizada em Hong Kong e destinada a angariar fundos para melhoramentos e ampliações da escola «CAMÕES», recentemente fundada, deslocou-se àquela nossa vizinha colónia Britânica um grupo folclórico constituído por doze raparigas e doze rapazes, entre metropolitanos e macaenses, que quiseram amavelmente comparticipar naquele beneficente e humanitário objectivo. Este grupo, concebido e ensaiado pelo Sr. Ten. Correia  Marques, já por mais de uma vez teve oportunidade de se exibir nesta Província, a primeira das quais por ocasião dos festejos dos Santos Populares realizados no Mercado de S. Domingos… (…)…

Rancho Folclórico 1954

O rancho fez-se acompanhar de orquestra privativa, constituída poe elementos da Orquestra do Clube Militar, e apresentou-se na Feira Popular onde realizou num só dia 4 espectáculos todos repletos duma assistência ávida de conhecer costumes portugueses e o seu folclore…(…)
De entre os bailados executados foram particularmente aplaudidos os seguintes: «Verde Gaio», o «Bailinho da Madeira», a «Chula», o «Corridinho» e a «Marcha Popular». Além dos números de dança, mereceram  também os maiores elogios alguns cantares do folclorismo português, fados e outras canções populares…
No dia seguinte todos os componentes do rancho foram obsequiados com um «chá» em casa do nosso Cônsul naquela vizinha colónia, sr. Dr. Guilherme de Castilho.” (1)
NOTA: esta deslocação terá acontecido em Novembro de 1954
(1) Macau Boletim Informativo, n.º33, 1954