O Hotel Estoril ficava na Avenida Sidónio Pais (o edifício continua no sítio, abandonado) (1), junto à Piscina Municipal (com a construção do Hotel, a piscina também foi remodelada) (2). Era um Hotel de 1.º Classe e contava com um Casino considerado o primeiro da cidade, da era STDM, já que o anterior  era o  Casino Flutuante (adaptação de um junco, atracado no Porto Interior). A abertura foi a 15 Novembro de 1963 (3)
O alvorecer  do Ano Novo Lunar no dia 5 de Fevereiro de 1970 foi já brindado no novo Hotel Lisboa  e não no Hotel Estoril como era habitual até esse ano. (3). Tinha um restaurante considerada de luxo onde se organizavam as festas e os casamentos  (4). Tinha sempre uma banda musical permanente (5).
O Casino do Hotel Estoril fechou em 1975 com a abertura do Casino da Pelota Basca.
PREÇÁRIO DO HOTEL ESTORIL em 1966 (6)
16 quartos duplos
21 quartos singulares
Preços: Duplos: $ 50,00 a $ 75,00
Singulares: $ 45,00
PREÇÁRIO DO HOTEL ESTORIL em 1981 (7)
Cable: ESTORIL
Telephone: 72081
General Manager: Winnie Lam
Total Rooms: 89
Rates: Singles 70 – 110 patacas
Doubles  140 – 170 patacas
Suites  220 patacas
Credit Cards: American Express, Diners Club, Overseas Trust and Visa
Agent Commissions: 10% (on weekdays only)
Facilities, Services: laundry, Restaurant, Sauna Bath, Children Playground and Olympic size swimming Pool

Foto retirada de MACAU pequena monografia (8)

Anúncio de 1966

Fotografia tirada em Março de 2012 – o estado em que se encontra o edifício

 

Fotografia tirado em Março de 2012 – ainda se mantém a indicação de Hotel com duas estrelas, numa das colunas da entrada para o Hotel.

(1) Ver artigo “Hotel mistério” do jornal hojemacau
http://hojemacau.com.mo/?p=17380
(2) Ver post anterior INAUGURAÇÃO DA PISCINA MUNICIPAL
           https://nenotavaiconta.wordpress.com/tag/piscina-municipal/
(3) SILVA, Beatriz Bastos da – Cronologia da História de Macau Século XX, Volume 5. Direcção dos Serviços de Educação e Juventude, Macau, 1998, 320 p. ISBN -972-8091-64-8
(4) Ver “Hotel Estoril, saudades dos anos 60” do
http://cronicasmacaenses.com/tag/hotel-estoril-de-macau/
http://cronicasmacaenses.com/2011/04/20/hotel-estoril-saudades-dos-anos-60/
(5) Armando Santos refere que após o termo do contracto no Hotel Sintra (onde actuou durante 9 meses nos teclados e também como vocalista no conjunto “New Flipsiders” quando ocorreu a inauguração do Hotel Sintra) juntou-se ao conjunto “Os Macaenses” e actuou no Hotel Estoril durante seis meses.
         http://rpdluz.tripod.com/projectomemoriamacaense/armando-santos.html
(6) Anuário de Macau, Ano de 1966. Centro de Informação e Turismo 316 p + |14|
(7) MACAU travel trade handbook. Department of Tourism and Information Government of Macau, 1981, 75 p.
(8) MACAU pequena monografia. Agência Geral do Ultramar, 1965, 71 p. , 22 cm x 16,5 cm.
Ver meu anterior post: LEITURA – MACAU PEQUENA MONOGRAFIA
          https://nenotavaiconta.wordpress.com/2011/12/30/livro-macau-pequena-monografia/