“Certo dia, Chao-chou caiu na neve e gritou:

– Ajudem-me a levantar, ajudem-me a levantar!

Apareceu um monge, que se deitou a seu lado.

Chao-chou levantou-se e foi-se embora. “

                                                                  KOAN  ZEN (1)

  (1)  SCHILLER, David – Pequeno Guia do Zen. Edições 70, 2005, 389 p. ISBN 972-44-1228-8