A 2 de Fevereiro de 1963 é criada a EPM 3 – Estação Postal Militar de 3ª classe, destinada ao serviço militar que começa a funcionar a 28 desse mês “no pavilhão sito no Jardim de S. Francisco” (1).  Inaugurada a 28 de Fevereiro de 1963 (2), a EPM3 é extinta em Outubro de 1974.

Situada no cimo  do jardim de S. Francisco, jardim dos Combatentes da I Grande Guerra Mundial, a Torre tem um símbolo da Associação dedicada aos combatentes onde sobressaem o escudo, os castelos e as cinco quinas da bandeira portuguesa e ainda  uma placa com a seguinte inscrição «Jardim dos Combatentes da Grande Guerra 1914-1918»
O Torreão no Jardim de S. Francisco foi sede da Liga dos Combatentes da Grande Guerra (um dos fundadores, Dr. Fernando de Lara Reis)  cuja obras de adaptação terminaram em Dezembro de 1938 (3). Segundo Pe. Teixeira   ” O torreão era antes a casa de arrecadação do material da R.T.O.P. do Jardim de S. Francisco; essa casa sofreu grandes modificações em 1938 e converteu-se no elegante Torreão que ainda hoje se vê. mas, uns meses após falecimento de Lara Reis, a sede da Liga viu-se transformada em sapataria, depois em alfaiataria e hoje serve de Estação Postal Militar. Na fachada principal desse Torreão ainda se vê uma placa com a seguinte inscrição «Jardim dos Combatentes da Grande Guerra 1914-1918»” (3)
O Torreão foi depois sede da Associação Recreativa dos Deficientes de Macau (ARDM).
As duas fotos seguintes foram retiradas de Revista da ARDM (4).

Dança de leão em cadeiras de rodas no jardim à frente do torreão

 Visita do Governador Almirante  Almeida e Costa à sede da ARDM

(1) http://macauantigo.blogspot.pt/2010/03/servico-postal-militar-macau.html
(2) MACHADO, Luís. Crónicas no JTM de 13 JUL, 2011 : http://www.jtm.com.mo/view.asp?dT=
(3)TEIXEIRA, P. Manuel – Liceu Nacional Infante D. Henrique, Jubileu de Diamante (1894-1969). Macau Imprensa Nacional, 1969, 291 p + |VI|
(4) Revista da Associação Recreativa dos Deficientes. Comemoração do 15.º aniversário 1978-1992